Futebol 7 Brasil - Inscreva a sua equipe
Campeonato Municipal 2020 - Adulto
Por onde anda?

Rodrigo Príncipe: dos campos para os palcos

Conheça a história do cantor de pagode que jogou pela Seleção Brasileira de futebol 7

Por onde anda?

Por onde anda?A coluna resgata grandes atletas que fizeram história no futebol 7 e mostra o que fazem hoje em dia

05/02/2020 14h02Atualizado há 2 meses
Por: Assessoria de Imprensa 2
Guilherme Becker
Guilherme Becker

Nesta edição do “Por Onde Anda?”, vamos contar a história de Rodrigo Príncipe, ex-jogador que defendeu grandes equipes do Futebol 7 Nacional, além da Seleção Brasileira no título da Copa Intercontinental 2017. Hoje, Príncipe é um dos cantores de pagode com grande sucesso no meio, com milhões de execuções nos Streaming de música e visualizações no Youtube.

 Rodrigo iniciou sua carreira nas categorias de base do Botafogo e mantinha vivo o sonho de ser jogador de futebol e cantor. Até que em 2014, recebeu uma proposta do Botafogo Fut 7 para a disputa de um campeonato no Rio de Janeiro. Porém, ele teria de conciliar a carreira de jogador com a de vocalista do grupo de pagode Nosso Sentimento. Após alguns meses, o atleta se transferiu para o Vasco Fut7, onde disputou vários campeonatos nacionais e internacionais.

 Um ano depois, Rodrigo Príncipe se transferiu para o Madureira. Mas a melhor fase dele foi jogando com a camisa do América, entre 2016 e 2017. Nesse período, o jogador chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira e foi campeão da Copa Intercontinental 2017, uma das mais importantes competições de seleções da modalidade. No mesmo ano, Príncipe saiu do grupo de pagode e começou uma dupla com Chininha, seu parceiro de palco até hoje.

No final de 2017, as músicas da dupla explodiram, alcançando milhões de visualizações. A rotina de muitos shows pelo Brasil fez com que Príncipe se aposentasse dos gramados sintéticos em 2018. Entre uma apresentação e outra, ele sempre arranja um tempo para um futebol com os amigos e nas “peladas” dos artistas.